O que é spinning babies?

Spinning babies: técnica que pode te ajudar no parto normal! 

Você que está grávida ou se preparando para engravidar, já deve ter ouvido falar sobre as posições do bebê dentro do útero e como ele deve estar para se conseguir um parto normal sem complicações.

Às vezes durante o trabalho de parto, o bebê não vira de ponta cabeça que é o que chamamos de posição cefálica, ou vira mas não encaixa a cabeça na pelve da mãe, podendo gerar desconfortos e até algumas complicações. O spinning babies é uma técnica que ajuda no posicionamento correto na pelve da mãe, de forma confortável para facilitar o trabalho de parto.

O spinning babies alinha o útero para que o bebê se encaixe melhor, libera a tensão dos músculos, aliviando as dores lombares e desconfortos durante o trabalho de parto, e abre a pélvis facilitando a descida do bebê e o expulsivo.

O spinning babies foi criado em 1998 pela parteira Gail Tully. A técnica analisa a posição do bebê e determina qual a melhor posição para o parto de acordo com a relação do bebê com a pelve da mãe. Gail também desenvolveu uma técnica chamada Belly Mapping, que usa os movimentos fetais para tentar descobrir a posição do bebê ao final da gestação, podendo ser confirmado por exame de imagem como o ultrassom.

O spinning babies usa técnicas diárias de exercícios essenciais para criar espaço no útero e na pelve da mãe, para o bebê se posicionar para o parto da melhor maneira possível.

Desde a 24ª semana de gestação, já podem ser usadas as técnica do spinning babies, começando com o alongamento dos músculos e ligamentos da mãe, abrindo espaço para o bebê se encaixar realizando o mecanismo de flexão e rotação adequado para entrar na bacia materna, facilitando a saída do bebê, minimizando as dores e reduzindo o tempo do trabalho de parto.

Conheça o Spinning babies

A prática do exercício é excelente para os bebês que se encontram em posição pélvica (sentado), mesmo a mulher já estando na reta final da gestação. Caso seja necessário, o spinning babies também pode ser utilizado durante o trabalho de parto para auxiliar o bebê a rodar e fletir da forma correta, e assim nascer.

A técnica possui três suportes conhecidos internacionalmente como “three sisters of balance”, que ajudam a mãe a relaxar e abrir espaço no abdome para a rotação do bebê. Essas três técnicas são:

1- Uso do Rebozo (técnica utilizada por doulas)

2- Técnica de inversão inclinada para frente através de 3 contrações: A gestante permanece ajoelhada em uma superfície baixa com os antebraços apoiados no chão

3- Técnica de liberação lateral através de 3 contrações laterais: é um tipo de alongamento para ajudar o aumento da abertura pélvica.

O spinning babies não deve ser usado em algumas situações, como mães com sangramento durante a gravidez, placenta anterior (quando a placenta se forma na parte da frente do útero), hipertensão na gravidez, taquicardia materna, cirurgias recentes, problemas oculares como o glaucoma, hipermobilidade, ou qualquer outra situação onde uma cesária seja realmente necessária.

Related Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.